Vitamina K é o termo dado ao grupo de substancias lipossolúvel na coagulação sanguínea, tendo papel fundamental na regulação do metabolismo ósseo e na biologia vascular. A vitamina K pode ser encontrada em alimentos e também produzida nos intestinos através da ação de bactérias.

Os alimentos ricos em vitamina K são: vegetais verdes folhosos, repolho, brócolis, couve-flor, germe de trigo, banana, abacate, kiwi, ovos, soja, salsicha, lentilha, mandioca, beterraba, presunto, batata, chocolate, nescafé, mamão, ameixa, coco, laranja, tomate, cenoura, abóbora moranga, entre outros.

Por ser produzida nos intestinos, a deficiência de vitamina K é muito rara, mas caso ocorra pode ocasionar sangramentos na pele e no nariz e aumentar o risco de hemorragias.

LINKS PATROCINADOS

O excesso de vitamina K no organismo também é bastante improvável, já que os alimentos não possuem doses muito altas dessa vitamina. Porém, é indispensável que se mantenha bons hábitos alimentares para manter o corpo sempre saudável. Vitaminas e sais minerais são fundamentais para que o organismo funcione adequadamente e também ajudam na prevenção de doenças.

Para manter uma dieta balanceada, a dica é procurar o auxilio de uma nutricionista e não se esqueça de pedir a presença de alimentos ricos em vitamina K em seu cardápio.