A Pílula Anticoncepcional é o método contraceptivo mais utilizado entre as mulheres mais jovens. Mas infelizmente muitas delas não fazem o uso correto do medicamento e acabam engravidando.

É muito importante procurar o auxilio de um ginecologista antes de iniciar o uso da pílula anticoncepcional, já que existem inúmeros tipos de pílulas com dosagens hormonais bem diferentes e que podem causar algum tipo de efeito colateral. Por isso é essencial que o médico receite qual o melhor anticoncepcional pra você e te ensine como usar a pílula anticoncepcional corretamente.

Caso você ainda tenha alguma dúvida, vamos tentar esclarecer neste artigo. A Pílula Anticoncepcional deve ser usada de acordo com as indicações feitas pelo fabricante na bula do remédio. Quem nunca tomou a pílula antes deve iniciar o uso no primeiro dia da sua próxima menstruação e fazer uso diário e continuo da pílula a partir de então.

Para dar mais segurança, o ideal é que a pílula seja tomada todos os dias no mesmo horário, e se por acaso falhar um dia o risco de gravidez pode aumentar. Lembrando que o anticoncepcional só previne contra a gravidez e não tem efeito algum sobre as doenças sexualmente transmissíveis, por isso é bom que seja usado juntamente com outro método contraceptivo como, por exemplo, a camisinha.

Algumas cartelas de anticoncepcionais vem com apenas 21 comprimidos, e nesse caso há a necessidade de ser feita um intervalo de 7 dias para que a menstruação desça. Após essa pausa, é necessário iniciar outra cartela do remédio para continuar o tratamento. E não se preocupe, pois não há risco de gravidez durante os 7 dias que ficará sem tomar a pílula.

Para quem faz uso das cartelas que vem com 28 comprimidos, não há necessidade de ter nenhum intervalo entre uma cartela e outra. A mulher menstruará normalmente, mesmo tomando a pílula.

Caso você sinta algum sintoma de efeito colateral após iniciar o uso da pílula anticoncepcional, procure já o seu médico.