Dieta da Serotonina
A dieta da serotonina é nova queridinha do mundo das dietas e já está conquistando um número de seguidores relativamente alto devido aos ótimos resultados apresentados por esse novo jeito de fazer dieta.

Dieta da Serotonina – O que é?

A dieta da Serotonina é um novo jeito de emagrecer, estudos indicam que essa dieta diferente é uma ótima aliada para quem deseja diminuir o estresse e se sentir saciada durante todo o dia e, dessa forma, conseguir emagrecer com tranqüilidade e de um jeito saudável.

A dieta da Serotonina trás um novo conceito para o mundo das dietas, já que na maioria das dietas para perder peso o hábito de beliscar antes das refeições é condenado. Mas estudos comprovam que petiscos ricos em carboidratos, quando ingeridos antes das refeições, contribuem para a produção de serotonina, uma substancia que ajuda a reduzir a ansiedade e o apetite.

Vantagens da Dieta da Serotonina

Além de ajudar a emagrecer de forma rápida, a dieta da serotonina também ajuda a melhorar o ânimo e a superar situações de estresse. A serotonina também avisa o cérebro quando estamos satisfeitos com a quantidade de comida ingerida e nos impede de exagerar na comida quando estamos passando por uma crise de nervos.

É por esses e outros motivos que a dieta de serotonina é indicada principalmente para as mulheres que sofre com ansiedade e ficam cobrando resultados rápidos de si mesmas quando estão de dieta.

Como fazer a dieta da Serotonina?

A Dieta da Serotonina é dividida em três fases, cada fase possui uma duração diferente. Na primeira fase da dieta deve ser feita por duas semanas e durante esse período deverão ser feitos três lanches ao longo do dia, e para não ficar com fome durante a noite o ideal é ter um jantar rico em carboidratos.

A segunda fase tem duração de 6 semanas. Nessa fase você deverá fazer somente 2 lanches por dia e reduzir a porção de proteínas no almoça, aumentando no jantar.

A terceira fase da dieta da serotonina pode ter sua duração variada de acordo com a sua vontade, mas deve durar pelo menos quatro semanas. Durante essa fase há mais opções de alimentos permitidos e o almoço e o jantar seguem iguais aos da segunda fase.

É importante dizer que a dieta da serotonina não faz milagre sozinha, é preciso disciplina e auto-controle para que a dieta comece a apresentar resultados satisfatórios e ajude você a emagrecer como deseja.